quinta-feira, 31 de março de 2011

DEPUTADO EVANGÉLICO DIZ QUE NEGROS DESCENDEM DE ANCESTRAL AMALDIÇOADO.

Depois da polêmica gerada pelo deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ), que foi acusado de racismo depois de uma entrevista ao programa CQC, da Band, foi a vez de Marco Feliciano (PSC-SP) causar rebuliço no Twitter com uma série de comentários contra africanos e homossexuais.
“Africanos descendem de ancestral amaldiçoado por Noé. Isso é fato”, tuitou na tarde desta quinta-feira, 31, o deputado, que é pastor evangélico.
Em post anterior, Feliciano escreveu: “A maldição que Noé lança sobre seu neto, canaã, respinga sobre continente africano, daí a fome, pestes, doenças, guerras étnicas!”. Em um tweet que posteriormente foi removido, o deputado afirmou que a África sofre com a “maldição do paganismo, ocultismo, misérias, doenças oriundas de lá: ebola, aids (sic)”.
Contra gays, o pastor tuitou: “Amamos os homossexuais mas abominamos suas praticas promiscuas!”.
Pelo próprio Twitter, Feliciano rejeitou as acusações de racismo: “Eu seria contra minha própria mãe se fosse racista”.

Fonte: PBAgora

EXCLUSIVO: APÓS MAL-ESTAR GERADO PELA "APROXIMAÇÃO" ENTRE CÁSSIO E VENÉ, GRUPO RICARDISTA ENTRA EM AÇÃO E ARTICULA MUDANÇA NO SECRETARIADO ESTADUAL.

Os rumores da aproximação entre o senador eleito Cássio Cunha Lima (PSDB) e o prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rego (PMDB) pode acabar por provocar mais uma dança das cadeiras no Governo do Estado e dessa vez o alvo é o primeiro escalão.
Informações obtidas com exclusividade pela reportagem do PB Agora dão conta que, em face das especulações de um possível rompimento entre Cássio e Ricardo, interlocutores do Governo, agindo como verdadeiros bombeiros convenceram o socialista a liberar mais uma pasta para que o tucano indique um aliado próximo.
O beneficiado com a articulação é o ex-secretário de Segurança Pública do Governo Cássio, advogado Harrison Targino.
Segundo informações repassadas por uma fonte do Governo do Estado, Harrison será designado para uma pasta estratégica da administração estadual. O PB Agora também obteve a informação sobre qual será o posto destinado ao grupo Cunha Lima, mas decidiu não revelar em respeito ao atual titular da pasta.
Na administração estadual, o atual governador já teria revelado que não estaria satisfeito com a atuação de alguns auxiliares, fato que aumenta, ‘na bolsa de apostas’, a informação sobre a iminente mudança no comando.
Logo no início das escolhas dos titulares do Governo Ricardo Coutinho, Harrison chegou a ser cotado para ocupar a Procuradoria Geral do Estado, cargo que hoje é ocupado pela ex-secretária de Finanças de João Pessoa, Livania Farias.
É aguardado para a próxima semana o desfecho do caso e possivelmente a substituição de titulares.

Fonte: Márcia Dias/Henrique Lima/PB Agora

terça-feira, 29 de março de 2011

BANCADA FEDERAL DECIDE ADIAR REUNIÃO COM GOVERNADOR RC QUE ACONTECERIA NESTA 5ª, NO DF.

Os deputados federais Wellington Roberto (PR), Manoel Júnior (PMDB) e o deputado estadual Caio Roberto (PR) anunciaram, na noite desta terça-feira (29), o adiamento da reunião que seria promovida na próxima quinta-feira (31), entre a bancada federal e os três senadores da Paraíba com o governador Ricardo Coutinho (PSB), em Brasília.
Conforme o deputado Wellington Roberto, um dos motivos do cancelamento da reunião foi o falecimento do ex-vice-presidente da República, José Alencar, ocorrido na tarde desta terça-feira. Outro fator que também teria pesado para contribuir com o adiamento do encontro foi o fato do deputado federal Ruy Carneiro (PSDB) ter convidado o senador eleito Cássio Cunha Lima (PSDB) para a reunião, sem nem mesmo o tucano ter tomado posse em uma cadeira no Congresso Federal.
De acordo com Manoel Júnior, a bancada, em conjunto, irá estudar uma nova data que seja viável para a maioria dos convidados, assim, todos os envolvidos terão oportunidade de se preparar para a conversa com o governador para deliberar sobre assuntos institucionais.
Ruy desautorizado
Ainda segundo os parlamentares, por representar apenas a minoria no Congresso Nacional, o deputado Ruy Carneiro ficará desautorizado a convocar um novo encontro, já que o bloco da situação na Câmara Federal é composto apenas por quatro parlamentares, são eles: Ruy Caneiro, Damião Feliciano (PDT), Efraim Filho (DEM) e Romero Rodrigues (PSDB).

Fonte: PB Agora

CRISE: INSATISFAÇÃO APÓS ADESÃO DE PARLAMENTAR DO PMDB AO GOVERNO RC PODERÁ FAZER SECRETÁRIO DESISTIR DA PASTA E VOLTAR A OCUPAR CADEIRA NA ALPB.

A ainda recente adesão do deputado estadual Doda de Tião (PMDB) poderá provocar um grande problema na base governista, o retorno do secretário de Articulação Governamental Manoel Ludgério (PDT) para a Assembléia Legislativa.
Tudo por conta da insatisfação de um dos grandes aliados políticos de Ludgério, o ex-deputado Jacó Maciel (PDT), que ainda não digeriu a adesão do deputado do PMDB, com quem rivaliza a base eleitoral na cidade de Queimadas e região.
“O relacionamento entre eles não anda dos melhores. Jacó está chateado por que não foi aproveitado no Governo e ainda vê seu maior adversário ser prestigiado pelos seus aliados”, desabafou um deputado que pediu anonimato. Segundo o parlamentar, Jacó Maciel não procurou o governador Ricardo Coutinho (PSB) e tão pouco foi procurado pelos integrantes do Governo para saber a sua opinião sobre a composição com Doda de Tião.
Nos bastidores da Assembléia, comenta-se que Ludgério se solidarizou com Jacó, pois foi muito bem votado na região e demonstrou não entender a mais nova adesão.
O mesmo deputado, também confidenciou que Doda de Tião também relatou o mal-estar e o desconforto de Ludgério que estuda a possibilidade de voltar a ocupar uma cadeira na Casa de Epitácio Pessoa.
É aguardada para os próximos dias novidades na ‘guerra’ de vaidades dos políticos de Queimadas.

Fonte: PB Agora

CORPO DE JOSÉ ALENCAR SERÁ VELADO NO PALÁCIO E ENTERRADO COM HONRAS DE CHEFE DE ESTADO.

O corpo do ex-vice-presidente José Alencar será velado no Salão Nobre do Palácio do Planalto, a partir das 10h30m de quarta-feira. Alencar será enterrado com honras de chefe de Estado, devido ao tempo em que ocupou a Presidência na ausência do ex-presidente Lula. Ele morreu às 14h41m desta terça-feira aos 79 anos , após 13 anos de luta contra o câncer no abdômen. O corpo chegará na Base Aérea de Brasília, amanhã por volta de 8h30m em avião da Força Aérea Brasileira (FAB) e será recebido com honras militares pelo presidente em exercício, Michel Temer, os presidentes da Câmara, Marco Maia (PT-SP), do Senado, José Sarney e do Supremo Tribunal Federal (STF), Cezar Peluso. Do aeroporto, o caixão seguirá em cortejo fúnebre no carro dos bombeiros até o Palácio do Planalto. Na quinta-feira, o corpo será velado no Palácio da Liberdade, em Belo Horizonte, das 8h30 às 13h. A família ainda não definiu se Alencar será cremado.

Fonte: O GLOBO

ENQUETES DE 4 MUNICÍPIOS CHEGAM AO FIM. VEJA OS PERCENTUAIS OBTIDOS.

As enquetes dos municípios de Bom Sucesso; Brejo dos Santos; X e Jericó, estão findadas. Foram 21 dias de exposição e apreciação para as populações deste municípios. Venha, humildemente, porém, com muita alegria e satisfação, agradecer os acessos destas comunidades. As dificuldades para a manutenção deste blog, são grandes, porém, esperei ansiosamente pelo fim destas citadas enquetes, para, além de postar o resultado final, fazer, digamos, um desafabo, o qual segue abaixo:

Creio piamente na grandiosa maioria das pessoas que acessam e também fazem parte das supracitadas enquetes. Mas não poderia deixar de mandar um recado para um determinada "figura", que, insistentemente envio-me mensagens ocultas com a finalidade clara e nítida de burlar os dados. Inclusive, sabendo esta "figura", que no momento passo por problemas de ordem particular, que, infelizmente me fizeram atrasar alguns compromissos financeiros, chego até a propor-me algo que solucionaria em parte minha situação.
Cara "figura": tenho meus defeitos, como todo ser humano. Não sou melhor, nem pior que A ou B, mas esse tipo de comércio, não faz parte do meu currículo. Espero que tenhas um mínimo de respeito e ética. nem todas as pessoas, "figura" comungam de leviandade, com você.
Até mesmo, faça-me um favor: esquece este blog, pois o politicaemdia2012 não necessita de leitores do seu quilate.

OS RESULTADOS:

BOM SUCESSO
Em qual dos nomes abaixo, você votaria para prefeito de Bom Sucesso, caso a eleição para prefeito fosse hoje?

Arione 15.58% (31 votes)

Bené 2.01% (4 votes)

Dr, Ivaldo 13.07% (26 votes)

Gilson 53.27% (106 votes)

Pedro Caetano 11.56% (23 votes)

Nenhum 2.01% (4 votes)

Não Sabe/Não Opinou 0.5% (1 votes)

Outros 2.01% (4 votes)


Total de votos: 199

BREJO DOS SANTOS
Em qual dos nomes abaixo, você votaria para prefeito de Brejo dos Santos, caso a eleição para prefeito fosse hoje?

Dr. Júnior 27.71% (46 votes)

Dr. Lauri 19.88% (33 votes)

Dr. Luís 27.11% (45 votes)

Rinaldo Soares 16.27% (27 votes)

Nenhum 2.41% (4 votes)

Não sabe/Não Opinou 1.2% (2 votes)

Outros 5.42% (9 votes)


Total de votos: 166

JERICÓ
Em qual dos nomes abaixo, você votaria para prefeito de Jericó, caso a eleição para prefeito fosse hoje?

Gilvan 2.09% (6 votes)

José Leopoldo 29.27% (84 votes)

Kadson 7.67% (22 votes)

Moacir Júnior 8.01% (23 votes)

Neto 40.42% (116 votes)

Valderlânia 5.23% (15 votes)

Nenhum 3.48% (10 votes)

Não Sabe/Não Opinou 0.35% (1 votes)

Outros 3.48% (10 votes)


Total de votos: 287

COREMAS
Em qual dos nomes abaixo, você votaria para prefeito de Coremas, caso a eleição para prefeito fosse hoje?
Chico Mamede 2.53% (11 votes)

Dr. Antônio Lopes 9.91% (43 votes)

Guto 4.15% (18 votes)

Janderley de Satorno 23.27% (101 votes)

Lucrenato Júnior 22.35% (97 votes)

Marquinhos 1.61% (7 votes)

Nenhum 2.53% (11 votes)

Não Sabe/Não Opinou 2.07% (9 votes)

Outros: 31.57% (137 votes)


Total de votos: 434

Lembremos que ENQUETES não tem nenhum valor científico. É totalmente diferente de PESQUISAS DE OPINIÃO PÚBLICA. Na realidade, ENQUETES são o que denominamos de "termômetro" do momento que possa vír a viver o município.

UNIÃO ENTRE CÁSSIO E VENÉ É TIDA COMO "VIÁVEL" PELOS PARAIBANOS. "NA POLÍTICA TUDO É POSSÍVEL."

SEM SURPRESAS - união entre Cássio Cunha Lima e Veneziano Vital é tida como ‘viável’ pelos paraibanos, que explicam: “Na politica tudo é possível”
Parece que a teoria da “água e oléo não se misturam” perde sentido na Paraíba quando as “substâncias” envolvidas no composto são o futuro senador Cássio Cunha Lima (PSDB) e o prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rego (PMDB). Mesmo tidos no meio político como “desafetos ferrenhos”, para maioria dos internautas que participaram da mais nova enquete do PB Agora a possível união dos dois políticos é claramente viável.
Ao serem questionados sobre a conjectura (até poucos meses esdrúxula) 29,95% (419 votos) dos participantes responderam positivamente a questão: ‘Você acha viável a união entre Cássio e Veneziano em 2012?’.

(CLICK NA ENQUETE PARA AMPLIÁ-LA)

Não tão intrigante quanto o resultado foi ver que a opção oposta acirrou a disputa. Para 22,52% (315 votos) dos internautas estaria afastada qualquer possibilidade de união entre os antigos desafetos.
Não resumida a apenas “sim” ou “não” como opções de escolha, a enquete foi mais além. Com se não bastasse a maioria dos participantes acreditarem no possível “enlace” político, 12,58% (176 votos) apostam que a consolidação da parceria deixaria a dupla imbatível no cenário político paraibano.
Buscando justificativas aceitáveis para a provável, porem até pouco tempo, impensável situação, uma opção se destacou na terceira posição: “Na política tudo é possível”, com 19,37% (271 votos).
Outras circunstâncias foram postas à escolha, desta vez tentando prever o futuro da aliança. Para 4,07% (57 votos) dos internautas, Veneziano será traído por Cássio, caso aceite a parceria. Apenas 1,14% (16 votos) acham o inverso: o cabeludo vai dar as costas ao novo senador quando menos esperar.

(CLICK NA ENQUETE PARA AMPLIÁ-LA)

Também se destacam aqueles que creem na fidelidade da aliança entre Cássio e o govenador. Para 4,22% (59 votos), é impossível a união entre os políticos campinenses, haja vista que o tucano seria incapaz de trair Ricardo, rival político do grupo político do ‘cabeludo’.
Apenas 0,79% (11 votos) dos participantes preferiram não escolher nenhuma das opções.

Fonte: PB Agora

O EX-DEPUTADO GILVAN FREIRE DIZ QUE ROMPIMENTO ENTRE CÁSSIO E RICARDO SERÁ INEVITÁVEL.

Ex-deputado, analista político e advogado, Gilvan Freire ajudou a escrever, nas últimas três décadas, a história política da Paraíba. Imprensado por Wellington Farias e Adriana Bezerra, ele revela como articulou a aproximação entre o governador Ricardo Coutinho e o senador Cássio Cunha Lima, e garante: o ex-governador José Maranhão não entregou um Estado quebrado.
“Tinha R$ 700 milhões em caixa”, diz Freire, para quem Ricardo Coutinho iniciou “muito mal” seu governo e não tem mais o contingente político do final do ano passado, quando ganhou o Governo do Estado.
Parte desse contingente migrou para Cássio Cunha Lima, que deve – mediante a eclosão de crises – romper a aliança com Coutinho.
Uma aliança que Gilvan Freire disse não ter tido dificuldade de costurar porque, segundo ele, tanto Cássio quanto Ricardo entenderam, desde o primeiro momento, que esta união garantiria a sobrevivência política de ambos.
Com relação um futuro rompimento entre os dois líderes políticos Gilvan afirmou que acha quase inevitável.

Fonte: É Sertão com Patosonline

RC GARANTE NOMEAÇÃO DE 318 CONCURSADOS DA CIVIL, MAS RECORRE À JUSTIÇA PARA IMPEDIR POSSE IMEDIATA.

Ricardo Coutinho garante nomeação de 318 concursados da Polícia Civil, mas recorre à Justiça para impedir posse imediata de todos os aprovados
No início do ano, servidores aprovados em concurso público da Polícia Civil festejaram decisão da 4ª Vara da Fazenda Pública determinando ao governo do Estado a imediata nomeação de 450 concursados que estavam concluindo curso de formação e, em seguida, a convocação de mais aprovados para a abertura de novos cursos com posterior efetivação no Estado.
A festa durou apenas alguns dias. O governo Ricardo Coutinho entrou no último dia 23 com apelação na tentativa de reformular a decisão inicial. Alegou que, segundo jurisprudência dos tribunais superiores, o poder de dizer qual a necessidade de pessoal e o tempo adequado de convocar aprovados em concurso público é exclusivamente da administração estadual, não pode ser determinando pelo Poder Judiciário nem pelo Ministério Público.
Declarou ainda que, por enquanto, a necessidade ( e capacidade )do Estado é de contratação de 318 aprovados no concurso, que estão terminando o curso de formação agora no final de março. O número de 450 aprovados determinado pela decisão judicial estaria, segundo a apelação do governo, assinada pela Procuradoria Geral do Estado, aquém do que precisa e pode pagar o Estado.
O governo Ricardo Coutinho continua a acentuar a tese de que somente convocará os concursados quando equilibrar financeiramente o Estado, reduzindo os gastos com a folha de pessoa, cujo o comprometimento supera os limites estabelecidos pela Lei de Responsabilidade Fiscal.
Acontece que a LRF abre exceção para contratação de pessoal resultante de decisões judiciais.
Pode até ser que mude num futuro próximo, mas, por enquanto, a via crucis dos concursados na Paraíba continua a mesma da gestão anterior. O blog só vai parar quando for convidado para a solenidade de posse dos aprovados.

Fonte: Blog de Luís Tôrres/PBAgora

CÁSSIO ACONSELHA SANTIAGO A "SABER PERDER".

O senador Cássio Cunha Lima (PSDB) participou ontem à noite do programa Conexão Master, da TV Master, de João Pessoa, e mandou um recado ao também senador Wilson Santiago (PMDB), em cuja vaga deve ser empossado em breve, depois que o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que a Lei da Ficha Limpa não tem aplicação às eleições do ano passado. O tucano disse que "na política é preciso saber ganhar e saber perder", numa referência direta ao recurso que os advogados de Santiago pretendem impetrar para evitar a saída dele do Senado.
- Pela via judicial, Wilson Santiago temporariamente conseguiu um mandato que ele não obteve nas urnas. Ele foi derrotado. Não há nenhum demérito. Houve uma decisão da Suprema Côrte onde não há recurso. Ele vai recorrer a quem? Podem existir manobras que são meramente procrastinatórias. Hoje, Wilson tem um mandato ilegítimo. A decisão foi do STF. Se fosse uma sentença de primeiro ou segundo grau, seria natural que ele não se conformasse e quisesse recorrer. No STF, não. Ele tem a última palavra. Qualquer manobra que seja feita para encontrar mecanismos regimentais, legais para retardar a eficácia dessa decisão não vai soar bem porque um homem público que não sabe acatar a decisão do povo, dá a impressão que vai se agarrar na cadeira e dizer "daqui eu não saio". Mas a cadeira não pertence a Cássio nem a Santiago, mas ao povo da Paraíba.
Em outro momento da entrevista, Cássio voltou a dizer que não há previsão de o filho, Diogo, concorrer à prefeitura de Campina Grande em 2012, mas confirmou que ele deve se filiar ainda este ano ao PSDB.
- Eu já disse que não existe plano para ele disputar a eleição, mas por mais que eu diga, as pessoas não acreditam. Ele deve se filiar ao PSDB até outubro para que esteja habilitado, mas a decisão sobre 2012, será tomada em 2012. Mas, ele só deve disputar se ele quiser muito. Há vários quadros em nosso partido que podem concorrer. Romero Rodrigues é um candidato natural.
O tucano também disse que se preocuparia, no caso de uma eventual candidatura do filho, com a repercussão que seu ingresso na vida pública poderia ter. Ele lembrou seu sofrimento ao ter o mandato cassado e depois a batalha jurídica para assumir o Senado como exemplos de angústia causada pela política.

Fonte: Redação com parlamentopb/PBAgora

SITUAÇÃO CALAMITOSA DE FALTA D'ÁGUA NO BREJO, FAZ ADVERSÁRIOS HISTÓRICOS ENTRAREM PELA 1167 VEZ EM SINTONIA.

Os deputados Armando Abílio (PTB) e Arnaldo Monteiro (PSC) são adversários políticos há muitos anos, no entanto, estão com o mesmo discurso quando o assunto é a Medida Provisória que visa a realocação da verba destinada à reconstrução de Camará para Centro de Convenções que está sendo apreciada esta semana na Assembléia Legislativa.
Armando Abílio revelou seu descontentamento no último dia 23 e afirmou que essa verba seria a única solução efetiva para o problema de falta de água em Remígio e Esperança, por exemplo. Já o deputado Arnaldo Monteiro afinou seu discurso com o rival na manhã desta terça-feira (29) em discurso acalorado.
“A cidade de Esperança está sem um pingo d’água. A população sobrevive às custas de carro pipa, pagos pela própria população, e poços com água de baixíssima qualidade. Peço aos meus colegas que não aprovem esta MP”, disse Arnaldo Monteiro.
Os dois salientam que não são contra a construção do Centro de Convenções, mas que o a região do Brejo precisa de soluções para a falta de abastecimento de água de uma vez por todas.

Fonte: Vanessa de Melo com informações de Henrique Lima

PB Agora

EM DIA DE LEILÃO EM MATO GROSSO, UMA SÓ GALINHA VALE R$ 3.500,00 E O SALÃO DO AUTOMÓVEL MUDA-SE PARA LÁ.

No município de Mato Grosso/PB, na festa da padroeira, viu-se no ano passado uma galinha ser arrematada por R$ 3.500,00. Isso mesmo: R$ 3.500,00. É a força do dinheiro dos lojistas de R$ 1,99.
E o que dizer do desfile de carros que ocorreu naquela urbe? Não é brincadeira, por que estamos pertinho do 1º de abril, mas só viu-se carrões, lá:
Golf - R$ 65.000,00


Hilux SW4 - R$ 150.000,00


Camaro - R$ 185.000,00





Tais lojistas prometem fazer uma verdadeira mudança em Mato Grosso, nas eleições de 2012. E esta mudanças já começou. O líder político maior, Claudieide, nunca havia perdido uma disputa, nem mesmo quando se tratava de "ímpar ou par".
Só que a primeira derrota foi a presidência da Câmara de Vereadores. O grupo de R$ 1,99 fez a mesa completa e isso pode ser o primeiro sinal. Claudieine "construiu" o munícipio e que município. Mato grosso dispõe de uma estrutura administrativa digna de louvores, mas nem isso interferiu nesta mudança.
Doca/Nem Bagaço e Cia. Ltda estão disposto a tomar o trono e fazer de Mato Grosso a "república dos centavos". R$ 1,99 terá valor?

O EFEITO MARINA SILVA AINDA FAZ ESCOLA... PELO MENOS É O QUE PARECE.

A onda verde que abraçou o país nas eleições de 2010, parece ainda surtir efeito. O PV de Brejo do Cruz foi oficializado em 18 de novembro de 2010. Após isso, o Prédio da Câmara de Vereadores de Brejo do Cruz, Casa Valdomiro Joaquim da Silveira, foi reformado em janeiro deste ano.
Até aí, tudo bem... mas vejam a cor do legislativo?
Parece amarela, mas é verde e bem forte...
Será que mudanças ocorrerão em Brejo do Cruz? Nomes tem demais. E a grande expectativa é se os rumores à cerca da ida do prefeito Barão para Pombal, em 2012 e a candidatura de Poliana em Brejo no mesmo ano, tem alguma veracidade ou é só boato... mas que tem sentido, isso tem.

O QUE É A POLÍTICA... VEJA O QUE OCORRIA À 1 ANO ATRÁS... JÁ HOJE...

As dez melhores gestões do mundo

Foi com muita alegria e satisfação que estive na noite de ontem, em Antônio Martins, para ser homenageada com o título de cidadão daquele município. E mais uma vez saúdo todos os que estiveram na solenidade, principalmente o prefeito Edmilson Fernandes, o eterno prefeito Zé Júlio, os vereadores, prefeito Lucídio Jácome (Frutuoso Gomes) e o vereador Pôla.
Foram 60 homenageados, dentre eles o superintendente da Caixa Econômica Federal no RN, Jorge Gurgel, e o seu adjunto, Jorge de Castro, além do engenheiro Marcus Vinícius. Eles disseram se orgulhar de Antônio Martins que, em 2008, recebeu das mãos do presidente Lula o prêmio ‘Caixa Melhores Práticas em Gestão Local’. Apenas 20 municípios brasileiros receberam esse prêmio. Agora, o município está concorrendo, em Dubai, entre as dez melhores gestões do mundo.
Através de emenda parlamentar, nosso mandato vem ajudando Antonio Martins com a construção da praça de eventos, iluminação do estádio Fernandão, construção do pórtico da cidade, aquisição de um trator, festa junina e a realização do 1º Festival Sócio-econômico Padroeiro Santo Antônio, dentre outras ações. Mas o que eu tenho mais satisfação em falar é do ônibus escolar, que está chegando, e a creche do Pro- Infância, em construção.

Já nos dias atuais, o prefeito Edmilson Fernandes foi expulso do PT, partido da deputada federal Fátima Bezerra e as relações entre Edmilson e o ex-prefeito Zé Júlio estão mais que estremecidas.
O primeiro duelo desta ruptura, foi em 04 de outubro de 2010, onde Zé Júlio apoiou a deputada Fátima para a câmara Federal, a qual obteve 1.155 votos. O prefeito edmilson apoiou um leque de nomes, como Betinho Rosado; Geraldão e Henrique Alves. Essa trilogia alcançou 1.762 sufrágios. Entretanto, apenas Betinho Campos conseguiu 1.343 indicações nas urnas.
Já para a Assembleia Legislativa, Zé Júlio sendo candidato, teve o apoio do atual prefeito e Zé agregou assim 3.383 votos.
As conclusões cabe a cada "cientista político de plantão".
Mas o grande embate já tem data definida: 07 de outubro de 2012, quando os Titãs da política de Antônio Martins possivelmente se enfrentarão nas urnas.
A expectativa é grande. Faltam 558 dias para as eleições municipais, totalizando 13.392 horas para a disputa pelas prefeituras municipais do Brasil.


Fonte: blog da Fátima (matéria em 27/03/11)
Foto: Assessoria mandato

Matéria em negrito: Mozart Maranhão

FÁTIMA ASSINA CARTA DE APOIO À CRIAÇÃO DO PARQUE NACIONAL DA FURNA FEIA.

A deputada federal Fátima Bezerra assinou na manhã desta segunda-feira (28) carta de apoio à criação do Parque Nacional da Furna Feia, localizado entre os municípios de Mossoró e Baraúna. A parlamentar participou da reunião de apresentação do projeto, realizada na governadoria com presença da governadora e do vice, Rosalba Ciarlini e Robinson Faria, representantes das bancadas potiguares federal e estadual, além de representantes dos setores do Turismo e do Meio Ambiente.
Fátima afirmou que vai fortalecer a iniciativa junto ao Ministério do Meio Ambiente e da Casa Civil, uma vez que para ser concretizado, o projeto precisa da aprovação da Casa Civil do Governo Federal. “Trata-se de um importante projeto para o Turismo do nosso estado. Assinei a carta de apoio e, de fato, vou me empenhar e me coloco à disposição para que ele seja concretizado”, disse.
Além do apoio dos deputados potiguares em Brasília, a regulamentação do Parque dependerá, ainda, do apoio da população de Mossoró e Baraúna. Para isso, serão realizadas nos dias 7 e 8 de maio audiências públicas para que as populações desses municípios conheçam o projeto, aprovem e colaborem.
Furna Feia
Segundo o Instituto Chico Mendes, responsável pelo projeto de transformação da reserva ambiental em Parque Nacional, o sítio espeleológico da Furna Feia é uma região de cavernas, situada em uma área de mais de 10 mil hectares. Em apenas 2% da área total da reserva, já foram encontradas 213 cavidades a partir de pesquisas feitas até o início deste ano, sendo a maior concentração do Estado. Entre essas cavernas está a Furna Feia, segunda maior do RN, com 766 metros de desenvolvimento linear.
Além disso, é um espaço dotado de grande variedade de fauna e flora cuja vegetação típica é a caatinga. Entre as espécies detectadas estão 105 de plantas e 135 espécies animais, várias nas listas oficiais da fauna em extinção, como o gato vermelho.

VEREADORES VÃO INTERDITAR "TRECHO DA MORTE" NO SERTÃO.

Os vereadores do município de Uiraúna, no Sertão da Paraíba, vão interditar o “Trecho da Morte’’, que fica localizado na BR 405, que liga a cidade de São João do Rio do Peixe ao município de Uiraúna. A informação foi do presidente da Câmara de Uiraúna, Jailson Nogueira.
O protesto é para cobrar do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), o recapeamento asfáltico.
O objetivo é orientar o DNIT para que tome providências urgentes, tendo em vista, que muitos acidentes são registrados diariamente devido às péssimas condições das estradas.
O parlamentar informou que dezenas de pessoas com faixas e cartazes vão participar da manifestação, além de contar com carros de som, para chamar a atenção do orgão acerca do caos que se encontra a rodovia.
Somente este ano foram registrados nove acidentes na BR, que passou a ser chamada de “Trecho da Morte”.

Fonte: Hyldo Pereira com informações da Assessoria de Imprensa/Correio da Paraíba

RÔMULO ALFINETA ATITUDE DE CÁSSIO E DÁ MARGEM A SUPOSTO RACHA.

De malas ‘quase’ prontas para se filiar ao PSD, Rômulo alfineta atitude de Cássio com Vené e dá margem às especulações sobre racha com RC
As especulações sobre a possível aproximação entre o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) e o prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital (PMDB) pode causar mais uma reviravolta na política paraibana, trata-se do escanteio do vice-governador Rômulo Gouveia (PSDB) que já fala em se filiar ao novo partido PSD, do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM).
Visivelmente contrariado com as especulação de união política entre as famílias Vital do Rego e Cunha Lima, Rômulo Gouveia disse que não foi ao encontro em companhia de Cássio Cunha Lima, no evento da ARCD, porque estava viajando, mas salientou que se estivesse na cidade não se prestaria a tirar fotos sorrindo ao lado de Veneziano Vital do Rego.
A ‘alfinetada' de Rômulo recai diretamente no senador paraibano, já que além de participar da reunião, Cássio posou para várias fotos ao lado do cabeludo.
Em declaração na última sexta-feira, (25), à imprensa, Rômulo Gouveia não escondeu os ressentimentos que tem em relação à família do cabeludo e chegou a descartar incisivamente uma aliança com o prefeito de Campina Grande a curto, médio ou longo prazo ou até mesmo momentânea.
A mágoa pública de Rômulo Gouveia pode acabar dando margem às especulações sobre um possível racha de Cássio com Ricardo Coutinho em 2012, com Veneziano e Cássio de um lado e Rômulo Gouveia e Ricardo Coutinho do outro.

Fonte: Simone Duarte/PB Agora

ROMERO APRESENTA REQUERIMENTO NA CÂMARA SOLICITANDO QUE O GOVERNO CHAME OS CONCURSADOS.

O deputado federal Romero Rodrigues (PSDB/PB) apresentou requerimento na Câmara dos deputados em Brasília solicitando à presidenta Dilma Roulselff e a ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão - MPOG, Miriam Belchior, solicitando rever decisão de suspender a contratação dos Concursados Aprovados e Classificados nos novos Concursos realizados pela Administração direta e indireta do Governo Federal.
Segundo Romero, a decisão de suspender a contratação dos concursados aprovados e classificados nos novos Concursos realizados pela Administração direta e indireta do Governo Federal "é uma verdadeira injustiça praticada contra os estudantes de nosso país que se dedicam dia e noite ao estudo e se vêem impedidos de disputar uma vaga em busca de uma colocação de emprego e assumir o que lhes é de direito".
Assinalou que "tantos dias devotados ao conhecimento, à preparação gastando, quase sempre, o que não tinham com cursos e livros... tudo para ocupar com dignidade e competência um cargo na Administração Pública, com o ideal de fazer sua parte para o desenvolvimento do país! E, quando enfim atingem o tão almejado objetivo, quando conseguem passar no funil tão estreito que é o concurso público... são arbitrariamente preteridos. Não podemos descansar enquanto a justiça não for feita! O cargo foi conquistado com suor, sangue e mérito... e ao final, todo esforço há de ser recompensado e não punido!"
Por outro lado, Romero apresentou outro requerimento solicitando que sejam abertos novos Concursos nos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia - IFETs para professores com Mestrado e Doutorado.
Os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia são instituições de educação superior, básica e profissional, pluricurriculares e multicampi, especializados na oferta de educação profissional e tecnológica nas diferentes modalidades de ensino, com base na conjugação de conhecimentos técnicos e tecnológicos às suas práticas pedagógicas. Os Institutos Federais compõem a Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica.
A criação dos Institutos Federais de Educação Ciência e Tecnologia tem sido tema recorrente nos debates sobre educação por todo o território nacional. Os investimentos públicos ao longo da existência da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica (para cuja direção aponta a criação dos Institutos Federais) concorrem sobremaneira para a conquista da excelência e denotam comportamento típico de governos no Estado Capitalista Moderno no que diz respeito à adoção de políticas e programas sociais a fim de qualificar a mão-de-obra para o mercado de trabalho, objetivo que se complementa com a manutenção sob controle de parcelas da população não inseridas nos processos de produção.
Disse que se faz imperativo que sejam realizados novos concursos, a fim de contemplar as unidades dos IFETs (Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia). A instituição tem um papel preponderante na sociedade e a contratação de novos docentes permitirá a ampliação das ações da entidade educacional.

Fonte: Assessoria/PBAgora

RÔMULO REVELA MÁGOS COM CÍCERO, IMPÕE CONDIÇÕES PARA FICAR NO PSDB E INSINUA QUE JOSÉ MARANHÃO INFLUENCIOU O PODER JUDICIÁRIO NA CASSAÇÃO DE CÁSSIO.

O vice-governador Rômulo Gouveia (PSDB) já pode ser considerado o entrevistado mais polêmico de todas as edições do programa Conexão Arapuan, apresentado por este blogueiro na TV Arapuan, Canal 14. Ele revelou mágoas pessoais com o senador e presidente do PSDB paraibano Cícero Lucena, impôs condições para não deixar o ninho tucano, falou sobre as eleições de 2014, o papel de Cássio dentro do governo socialista, flerte com o PMDB, o processo que pede a cassação de Veneziano, e chegou a insinuar que o ex-governador José Maranhão influenciou o judiciário no processo que cassou o mandato de Cássio.
Rômulo fez apelo para que Cássio Cunha Lima assuma o comando do ninho tucano como condição para sua permanência na legenda. “Não é possível o que estou enfrentando, é muito contraditório como vice-governador ter o meu partido contrário ao nosso governo”, disse.
Para Rômulo, é fundamental o apoio do PSDB como partido ao governo. “O processo para as eleições de 2010 foi muito dramático e não quero repetir esse cenário”, explicou. “Não tenho espaço no PSDB, não só para mim, como para meus aliados. Cícero disse que não tenho representação, valor na Capital. É uma falta de respeito comigo, me tratar desta forma”, desabafou. “Isso pra mim, machucou bastante”, confessou.
Pouco depois, mais descontraído, Rômulo chegou a ironizar a situação que vive no partido. “Não posso dar pitaco, então a única forma é sair do partido para dar pitaco. Até blogueiros dão pitaco e eu não posso”, disse aos risos. “Não vou ficar submisso a ninguém. Tenho condições de caminhar com minhas pernas”, alfinetou.
Eleições 2014
Perguntado sobre as eleições para o Governo do Estado no ano de 2014, Rômulo disse que independente de sua permanência ou não no ninho tucano, é natural que o PSDB lutará por uma candidatura própria. “O partido não engoliu as eleições de 2010, então seria demagogia nossa acreditar que o PSDB, permanecendo como está não lute por isso”, refletiu.
Papel de Cássio
Rômulo explicou que administrar é contrariar interesses. “É verdade que temos dificuldades num início de governo, mas tanto o governador Ricardo Coutinho, quanto sua equipe trabalha para atender as demandas da classe política,” disse.
O papel de Cássio Cunha Lima no governo estadual, lembrou Rômulo, é principalmente representar o Estado no Senado, trazendo recursos e benefícios aos paraibanos. “Neste momento é preciso uma compreensão da classe política, de que Cássio não servirá de porta voz de qualquer insatisfação”, afirmou.
PMDB
Questionado sobre a posição adotada pelo PMDB estadual ao “tapar o Sol com a peneira” quanto as adesões de deputados estaduais ao governo, Rômulo Gouveia não poupou palavras. “Se eles os expulsassem, quem perderia seriam eles. Seria muito mais fraco para eles, pois na hora em que fossem expulsos, estariam reduzindo a bancada e, além disso, um dirigente partidário que possui uma pretensão nacional vai querer estar nas manchetes – PMDB da Paraíba expulsa três deputados estaduais – “, disparou.
Caso Vené
Rômulo Gouveia disse ter confiança e acreditar na justiça quando questionado sobre o processo que pede a cassação do prefeito de Campina Grande Veneziano Vital do Rêgo (PMDB). “Os fatos e acusações são muito graves”, afirmou.
Provocado sobre não acompanhar de perto o “desenrolar” do processo de Veneziano, com a mesma competência que Maranhão fez com caso de Cássio Cunha Lima, Rômulo chegou a insinuar que José Maranhão teria influenciado na decisão do judiciário. “O papel não é meu, é do Ministério Público. Além disso, não tenho o prestígio que o ex-governador José maranhão têm. Na época senador da República, presidente da comissão de orçamento, além da esposa desembargadora”, insinuou.

Fonte: Blog do Luís Torres/PBAgora

EX-SECRETÁRIO DE SAÚDE ASSUME PÓLO TURÍSTICO.

O governador Ricardo Coutinho (PSB) nomeou na edição do “Diário Oficial do Estado” deste domingo – mas que só circulou nesta 3ª feira – o médico cardiologista Mario Toscano de Brito Filho (na foto ao lado), ex-secretário estadual de Saúde, que se afastou da função alegando problemas de saúde relacionados ao estresse, como hipertensão e diabetes, para ocupar o cargo de provimento em comissão de Gestor de Planejamento de Implantação de Equipamentos Públicos de Turismo da Secretaria de Turismo e do Desenvolvimento Econômico do Estado, com incumbência de implantação do Pólo Turístico Cabo Branco, localizado na região do Altiplano, na orla marítima de João Pessoa.

Fonte: PBAgora

segunda-feira, 28 de março de 2011

ALENCAR É INTERNADO EM ESTADO CRÍTICO.

Mais de 10 dias após ter alta, ex-vice volta ao hospital com quadro de suboclusão intestinal
O ex-vice-presidente José Alencar voltou a ser internado no começo da tarde desta segunda-feira no Hospital Sirio-Libanês, em São Paulo. Alencar havia recebido alta no último dia 16, após mais de um mês de internação, e está em "estado crítico", de acordo com boletim divulgado por volta das 17 horas pelo hospital.
Alencar, que fazia tratamento em casa, deu entrada no hospital por volta das 13h20. De acordo com o boletim enviado pela assessoria de imprensa do Sirio-Libanês, o ex-vice-presidente está na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da instituição com quadro de suboclusão intestinal - mesmo problema que o acometeu em novembro.
O ex-vice luta contra um câncer na região abdominal há mais de 13 anos e está sendo acompanhado por uma equipe coordenada pelos médicos Paulo Hoff, Raul Cutait, Roberto Kalil Filho e Paulo Ayroza Galvão.
Na última vez que precisou ser internado, Alencar teve de ser submetido a sessões de hemodiálise e transfusão de sangue após reclamar de "desconforto abdominal". À época, uma tomografia identificou perfurações em seu intestino.
A última aparição pública do ex-vice-presidente aconteceu no aniversário de São Paulo, quando foi homenageado com a Medalha 25 de Janeiro. Na ocasião, Alencar falou sobre sua luta contra o câncer e disse que lutava “para não morrer”. “Ainda não estou bem. Estou bem melhor, mas ainda não estou bem", disse o ex-vice, após ser homenageado.
“Se eu morrer agora vou morrer feliz. A situação não poderia estar melhor para mim. O Brasil inteiro está rezando por mim. Não tem como melhorar”, discursou, antes de seguir para casa, com o aval do hospital – para onde voltaria em fevereiro.

Fonte: Último Minuto

TSE: 149 CANDIDATOS FORAM BARRADOS NA ELEIÇÃO DE 2010.

Muitos desses candidatos, que obtiveram votos suficientes para se eleger, poderão agora requerer o direito de tomar posse

Um levantamento divulgado hoje pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mostra que 149 candidatos foram barrados nas eleições de 2010 por causa da Lei da Ficha Limpa.
Segundo o TSE, essa foi a soma dos pedidos de registro de candidaturas rejeitados pelos tribunais regionais eleitorais (TREs) e pelo TSE.
Muitos desses candidatos, que obtiveram votos suficientes para se eleger, poderão agora requerer o direito de tomar posse. Na semana passada o Supremo Tribunal Federal (STF) concluiu que a Lei da Ficha Limpa não valeu na eleição de 2010.
Em consequência da decisão do STF, políticos que tomaram posse no lugar de fichas-sujas terão de deixar seus postos para que os barrados tomem posse.

Fonte: Agência Estado

"VOU BOTAR PRA MOER", PROMETE RC EM LANÇAMENTO DO PARAÍBA INTEGRADA, PREVENDO EQUILÍBRIO ATÉ FINAL DO ANO.

O governador Ricardo Coutinho declarou em entrevista exclusiva ao Correio Debate, da Correio Sat, direto de Patos, onde lança hoje o programa Paraíba Integrada, que vai “botar para moer” as engrenagens do Governo do Estado.
Governador anuncia R$ 285 milhões para pavimentação de estradas
Governo lança hoje integração dos transportes intermunicipais da PB
“Vou buscar os recursos necessários, seja lá onde for, mas vamos botar pra moer”, garantiu Coutinho, que disse estar ainda “correndo atrás do prejuízo” herdado por seu antecessor, José Maranhão.
Ele anunciou R$ 285 milhões para pavimentação de estradas, prometeu centro oncológico no Sertão, ação emergencial para evitar rupturas de barragens e criação de 20 escolas técnicas profissionalizantes.
“É preciso elevar o nível da educação na Paraíba, para daqui a 20 anos termos uma geração com esperança de vida melhor do que a dos seus pais”, declarou.
O governador também disse ainda que espera conquistar o equilíbrio fiscal e financeiro do Estado até o final do ano.
“Esperamos estar equilibrados em janeiro do próximo ano”, previu.
Como funcionará Paraíba Integrada
O sistema permitirá que os usuários paguem apenas a metade do valor da passagem do segundo ônibus. Isso significa que o cidadão que precisar se deslocar de São José de Piranhas até Campina Grande, por exemplo, compre o primeiro bilhete até Cajazeiras e no segundo trecho apresente o comprovante no guichê do “Paraíba Integrada”, que será instalado pelo DER nas cidades pólos, pagando apenas metade do valor da passagem, em um prazo de 24 horas.
O “Paraíba Integrada”, que é pioneiro em todo o país, vai reduzir o custo no valor das viagens intermunicipais dos usuários de ônibus do Estado, já que milhares de paraibanos precisam pegar diariamente dois ônibus para chegar ao seu destino. O sistema permitirá que o cidadão que more em uma região, desloque-se para outra, desembarque, resolva seus problemas, depois prossiga a viagem, com redução nos custos.
O novo sistema será operacionalizado pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER), órgão responsável pela execução da política de transportes intermunicipais no Estado, cuja principal atividade será o exercício de fiscalização na aquisição e utilização dos bilhetes de passagem, tarefa para a qual deverá contar com a participação efetiva das empresas participantes do Programa, parceiras por inteiro na sua boa execução.

Fonte: Adriana Bezerra/Correio da paraíba

PPS EXPULSA 37 INTEGRANTES POR APOIAR CANDIDATOS

O PPS deflagrou neste fim de semana o expurgo de seus integrantes que apoiaram candidatos de outros partidos nas últimas eleições. O primeiro diretório do PPS a cortar os dissidentes foi o do Paraná. Ao todo, foram expulsos dois prefeitos, quatro vice prefeitos e 31 vereadores do Estado.
O plano do PPS é continuar aplicando o mesmo tipo de ação em todos os seus diretórios regionais, repetindo a punição para aqueles que tiverem contrariado a orientação do comando nacional, preferindo se aliar com políticos de outras legendas.
Depois que o expurgo nacional for concluído, integrantes da Comissão Executiva Nacional darão início à reformulação dos diretórios regionais, para substituir os líderes que tiverem sido retirados do PPS. A ideia central é afinar a linha política do partido para a campanha municipal do próximo ano. As punições poderiam até ter tido maior alcance, já que foram recomendadas 47 expulsões. O total, porém, foi revisto para 37, depois da apresentação das defesas.
O movimento do PPS aumenta a turbulência entre os partidos de oposição. O Democratas tenta superar uma grave cisão, que levou à desfiliação de um grupo de dissidentes liderados pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab.
O PSDB também enfrenta problemas internos por conta da disputa pela hegemonia do partido. Os tucanos têm pelo menos três núcleos importantes de lideranças, formados pelo senador Aécio Neves (MG), pelo ex-governador de São Paulo José Serra e pelo atual governador paulista Geraldo Alckmin. Um dos três deverá encabeçar a chapa presidencial de oposição em 2014.

Fonte: Do Estadão/Correio da Paraíba

ELEIÇÕES 2012: PESQUISA MOSTRA QUE DISPUTA EM SANTA RITA SERÁ ENTRE ADONES JÚNIOR E REGINALDO PEREIRA.

Pesquisa pré-eleitoral realizada pelo Instituto Opinião entre os dias 22 e 23 de março traz o retrato da disputa em Santa Rita, um ano e quatro meses antes do pleito. De acordo com a consulta, que ouviu 628 eleitores em Santa Rita, o ex-vereador e ‘eterno’ candidato a prefeito, Reginaldo Pereira, lidera a disputa com 26,8% da intenção de votos. Na segunda colocação, uma surpresa: aparece o vereador novato Adones Júnior, ex-secretário da prefeitura, com 12,1% da preferência do eleitorado. O presidente da Câmara de Santa Rita, Ednaldo Edilícia, vem abaixo com 11,6% da intenção de votos.
Cerca de 12% dos entrevistados disseram que não votariam em nenhum dos candidatos estimulados e 23,7% disseram que ainda estavam indecisos. Foram estimulados ainda os nomes de Dr. Juca (7,5%) e Raquel Maroja (5,9%).
A pesquisa mostra uma situação confortável para o vereador Adones Júnior, já que Dr. Juca e Ednaldo são considerados aliados e, em uma eventual coligação, podem transferir esses votos. Somado o percentual de Ednaldo e Dr. Juca ao de Adones, o vereadora ultrapassaria o percentual de Reginaldo Pereira.
A pesquisa Instituto Opinião foi encomendada pela agencia Strategia. Atuando no mercado há vários anos, o Instituto Opinião tem sua credibilidade reconhecida no meio político da Paraíba e foi o responsável pelas pesquisas internas na campanha do governador Ricardo Coutinho.

NÚMEROS DA PESQUISA
Reginaldo Pereira – 26,8%
Adones Júnior – 12,1%
Ednaldo Edelícia – 11,6%
Dr. Juca – 7,5%
Raquel Maroja – 5,9%
Branco/Nulo/Nenhum – 12,4%
Indecisos/Não sabem – 23,7%

Fonte: Redação com Luís Tôrres/PBAgora

CÁSSIO CUNHA LIMA MANDA RECADO PARA OS INSATISFEITOS COM RICARDO COUTINHO: "NÃO SEREI O MURO DAS LAMENTAÇÕES."

O senador mais bem votado do Estado, Cássio Cunha Lima (PSDB) declarou nesta segunda-feira, (28), que mesmo depois de assumir o mandato não irá mudar sua relação com o socialista Ricardo Coutinho e aproveitou para mandar um recado para os insatisfeitos com a gestão: “Não é porque vou assumir um mandato que vou virar o muro das lamentações dos insatisfeitos com o atual governo”.
Após especulações que partiram de um radialista paraibano, que se diz amigo íntimo do Senador Cássio Cunha Lima (PSDB), de que o relacionamento do tucano com o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), estaria prestes a se romper parece que a especulação está cada vez mais distante de ser verdade.
O senador tem demonstrado, na maioria das entrevistas, que permanece em sintonia com Ricardo Coutinho e não pretende, mesmo depois de assumir o mandato, cortar relações com o socialista. Ele tem deixado claro que nada será alterado nesse sentido.
“Respeito todas as posturas tomadas e estabelecidas pelo governador Ricardo Coutinho. Não serei doutor dessa insatisfação, eu não posso ser o canal dessa insatisfação, do contrário azedaria nossa relação”, desabafou Cássio Cunha Lima.
O tucano acrescentou que é natural as insatisfações existam por parte de alguns e explicou que o governo como governo tem suas instâncias próprias para diminuir, negociar e resolver essas questões, “tudo é uma questão de tempo”, disse Cássio.
“Eu tenho um papel mais importante para desempenhar nesse processo”, finalizou.

Fonte: Simone Duarte/PB Agora

VEREADOR MARCA ENTREVISTA E NÃO MAIS ATENDE O TELEFONE.

O vereador Jairo, do Partido dos Trabalhadores de Antônio Martins/RN, marcou para domingo uma entrevista por telefone com o blog politicaemdia2012. Mas não se sabe ao certo o por que, depois deste compromisso assumido e postado neste blog que publicaríamos a citada entrevista, ficando detalhadamente combinado entre Jairo e o redator do blog, o mesmo não atende uma só ligação do politicaemdia2012.

RICARDO COUTINHO LANÇA NO SERTÃO PROJETO QUE MARCARÁ OS SEUS 100 DIAS NO GOVERNO DA PB.

O governador apresentará nesta segunda-feira o programa “Paraíba Integrada”, que vai fazer a integração da Paraíba

O governador Ricardo Coutinho lança nesta segunda-feira (28), no auditório do Fórum do município de Patos, o programa “Paraíba Integrada”. Segundo Ricardo o programa vai fazer a integração do sistema de transporte intermunicipal da Paraíba.
Segundo o secretário de comunicação do Estado, Nonato Bandeira o projeto “Paraíba Integrada” será o carro-chefe do conjunto de ações que serão apresentadas pelo governador em seus 100 primeiros dias de Governo.
Como funciona
O sistema permitirá que os usuários paguem apenas a metade do valor da passagem do segundo ônibus. Isso significa que o cidadão que precisar se deslocar de São José de Piranhas até Campina Grande, por exemplo, compre o primeiro bilhete até Cajazeiras e no segundo trecho apresente o comprovante no guichê do “Paraíba Integrada”, que será instalado pelo DER nas cidades pólos, pagando apenas metade do valor da passagem, em um prazo de 24 horas.
Pioneirismo
O “Paraíba Integrada”, que é pioneiro em todo o país, vai reduzir o custo no valor das viagens intermunicipais dos usuários de ônibus do Estado, já que milhares de paraibanos precisam pegar diariamente dois ônibus para chegar ao seu destino. O sistema permitirá que o cidadão que more em uma região, desloque-se para outra, desembarque, resolva seus problemas, depois prossiga a viagem, com redução nos custos.
O novo sistema será operacionalizado pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER), órgão responsável pela execução da política de transportes intermunicipais no Estado, cuja principal atividade será o exercício de fiscalização na aquisição e utilização dos bilhetes de passagem, tarefa para a qual deverá contar com a participação efetiva das empresas participantes do Programa, parceiras por inteiro na sua boa execução.

Fonte: DIÁRIO DO SERTÃO com Secom/Voz de Pedra

GOVERNADOR ANUNCIA R$ 285 MILHÕES PARA PAVIMENTAÇÃO DE ESTRADAS.

O governador Ricardo Coutinho anunciou um investimento de R$ 285 milhões para recuperação e pavimentação de estradas em toda a Paraíba. O anúncio foi feito, neste momento, durante inauguração do programa 'Paraíba Integrada', no Fórum Miguel Sátiro, na cidade de Patos.
Esta foi mais uma novidade das várias que o governador anuncia nas comemorações dos 100 primeiros dias de governo.
Ricardo disse que o dinheiro já será recebido na primeira quinzena de abril. O empréstimo foi feito junto à Corporação Andina de Fomento (CAF).
Segundo ele, 'O governo vai começar o maior programa de pavimentação de estradas do estado. Nenhuma cidade da Paraíba deixará de ser interligada.'
Será que a PB-177 está incluída?

Fonte: Da redação com Portal Correio

ENQUETES DO BLOG POLITICAEMDIA2012 CHEGAM AO FIM.

As enquetes preferentes aos municípios de Bom Sucesso; Brejo dos Santos; Coremas e Jericó, chegam ao final no dia de amanhã, terça-feira, dia 29 de março de 2011. Exatamente às 20:00 horas.
Ressaltar vale que enquete não tem nenhum valor científico como é o caso de pesquisas de opinião pública, porém, é o que denominamos de termômetro e serve para avaliar-mos, mesmo sem comprovação exata, qual o momento político vivido pela urbe.
As demais enquetes permanecem, até o dia 10 de abril próximo.

ALTO MEMBRO DO PMDB JÁ ADMITE DERROTA DE SANTIAGO NA DISPUTA POR VAGA NO SENADO FEDERAL.

Alto membro da cúpula do PMDB já admite derrota de Wilson Santiago na disputa por vaga no Senado Federal: “Não sei se ele vai ter sucesso”
O presidente estadual do PMDB na Paraíba, Antônio de Sousa, parece não ter muita confiança sobre a permanência do ex-deputado federal, Wilson Santiago (PMDB), no Senado Federal.
Em entrevista a rádio CBN, na manhã desta segunda-feira (28), Sousa se mostrou incrédulo quanto ao futuro do parlamentar e admitiu: “Não sei se ele vai ter sucesso nessa disputa pela vaga no Senado Federal”, disse, em referência a decisão do Supremo Tribunal Federal, que descartou a aplicação da Lei Ficha Limpa para 2010 e acabou sinalizando pela posse do 1º colocado, Cássio Cunha Lima (PSDB).
Apesar da falta de confiança, Sousa esclarece que considera ruim para o partido e para a Paraíba a saída de Wilson Santiago do Senado Federal.
“Para nós seria ruim, mas a decisão é da justiça, é lógico que gostaríamos de ter mais um parlamentar no Congresso, no entanto, eu não sei se ele vai ter sucesso”, esclareceu.

Fonte: PB Agora

CÁSSIO FAZ APELO PÚBLICO NA TV PELA PERMANÊNCIA DE RÔMULO GOUVEIA NO PSDB E ORIENTA: "A POLÍTICA TEM QUE SER OBSERVADA COMO UM JOGO DE XADREX."

Numa demonstração clara de gratidão ao seu maior aliado e amigo, o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) fez um apelo público para que o vice-governador Rômulo Gouveia permaneça no PSDB. Antes o tucano já havia usado o seu microblog, Twitter para fazer a solicitação, mas na tarde desta segunda-feira, (28), o apelo foi feito publicamente numa emissora de TV paraibana.
Para o senador Cássio Cunha Lima, Rômulo tem uma importante função política na Paraíba. Ele pontuou ainda que a política deva ser observada como um tabuleiro de xadrez. “A política tem que ser observada como um jogo de xadrez. Temos que olhar as futuras jogadas e não o momento atual”, disse.
Cássio adiantou ainda que Rômulo Gouveia só sai do PSDB, casso o partido dissesse que ele não era querido e na verdade, segundo informações do tucano, o partido quer bem a ele”, finalizou o tucano.

Fonte: Simone Duarte/PB Agora

EM BH, DILMA LANÇA PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ÀS GRÁVIDAS.

Na 2ª visita ao Estado em 10 dias, presidenta reúne em sua cidade natal políticos tucanos e petistas no lançamento do Rede Cegonha.
A presidenta Dilma Rousseff (PT) reúne na manhã desta segunda-feira (28), em Belo Horizonte, políticos do PT e do PSDB em evento de lançamento da Rede Cegonha, programa voltado à assistência às grávidas. O governador tucano Antonio Anastasia (PSDB) já confirmou presença. O prefeito de Belo Horizonte Marcio Lacerda (PSB) também é aguardado, assim como o antecessor dele, o ministro de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior Fernando Pimentel (PT). É a primeira vez que a presidenta visita oficialmente sua cidade natal, após ter sido eleita.
O ministro da Saúde Alexandre Padilha entrou em contato por telefone com deputados federais mineiros para reforçar a importância do evento. Parlamentares do PSDB e do DEM que irão ao evento, no Palácio das Artes, centro da capital mineira, alegam que o empenho pessoal de Padilha pesou na decisão de comparecer ao local.
“Investiremos em toda a rede de serviços que devem assumir o cuidado à gestante e à criança, desde o pré-natal até os dois anos: começa pela unidade básica de saúde, passa pelos exames do pré-natal, pelo transporte seguro, até o parto nos leitos maternos do SUS”, afirmou Padilha. Os investimentos até 2014 são de R$ 9,4 bilhões e virão do orçamento do Ministério da Saúde. Hoje, das cerca de 3 milhões de grávidas no País, 2 milhões são atendidas pelo SUS.
Esta é a segunda visita de Dilma em Minas Gerais em 10 dias. No último dia 17 ela esteve na cidade de Uberaba, a 472 quilômetros de Belo Horizonte, para anunciar investimentos. Na ocasião, Dilma e governador tucano de Minas trocaram afagos, demonstrando boa convivência apesar de estarem em partidos rivais.
Rede Cegonha
As ações do Rede Cegonha preveem teste rápido de gravidez em postos de saúde e um mínimo de seis consultas durante o pré-natal caso de confirmação da gravidez. Exames clínicos e laboratoriais, inclusive para detectar HIV e sífilis também integram ações do programa. As grávidas ainda poderão saber com antecedência o local do parto e receberão auxílio transporte.
Polêmica eleitoral
A Rede Cegonha foi alvo de polêmica eleitoral na campanha presidencial do ano passado. O candidato derrotado José Serra (PSDB) acusou Dilma de copiar o programa Mãe Paulistana, criado pelo tucano quando esteve à frente do governo de São Paulo. Também durante a campanha eleitoral o aborto foi um dos temas polêmicos que ganhou repercussão.
Romero Britto
O artista plástico Romero Britto criou 10 quadros com a logomarca do programa Rede Cegonha, que serão apresentados hoje em uma mostra no Palácio das Artes. A presidenta visita o local antes de lançar o programa voltado às gestantes.
As obras contam uma história que vai da concepção ao crescimento do bebê: o amor, o encontro do pai e da mãe, a responsabilidade do ato sexual, a felicidade da gravidez, a parteira, o cuidado na hora do parto, a família junta apoiando o crescimento da criança, o bebê como centro do universo e a criança no meio da bandeira do Brasil representando o cidadão do futuro.
No dia 14 de fevereiro, Britto, reconhecido internacionalmente, entregou à presidenta um retrato dela. Colorido, característica de suas obras, o retrato de Dilma é semelhante ao que o artista fez para a cantora pop Madonna.

ÓRGÃOS PÚBLICOS DA PARAÍBA IGNORAM LEI DA TRANSPARÊNCIA DOIS ANOS DEPOIS DE SUA CRIAÇÃO.

Após quase dois anos da publicação da Lei da Transparência (nº 131/09) os órgãos públicos da Paraíba ainda não conseguiram se adequar às exigências da legislação federal. Prefeituras, câmaras e a Assembléia Legislativa parecem não dar muita atenção para a divulgação das receitas e despesas dos exercícios administrativos. O Ministério Público da Paraíba (MPPB) e o Tribunal de Contas do Estado (TCE) começaram a cobrar a aplicação da lei, segundo informou o jornal O Norte, nesta semana.http://contasabertas.uol.com.br/website/noticias/imagens/468_lupa.jpg
Ainda segundo o jornal, no site da Assembléia Legislativa da Paraíba, a transparência é muito pouca. As únicas informações que a população pode ter acesso são sobre os processos legislativos. Os gastos dos deputados nas missões oficiais ou com as verbas de gabinete não são informadas, apesar da obrigatoriedade prevista em lei. A frequência dos parlamentares também não está disponível no portal.
A frase de abertura do site de transparência da Câmara Municipal de João Pessoa mostra que "nesta seção você encontra o resumo da prestação de contas da Câmara Municipal de João Pessoa, onde a transparência é levada a sério para a população"; mas a realidade não é bem assim. A informação mais recente é de 2006 e, mesmo assim, traz apenas os valores mensais de arrecadação e despesa.
As prefeituras que possuem portal de transparência estão longe das exigências previstas em Lei. Nessas condições estão as páginas das prefeituras de João Pessoa, Santa Rita e Campina Grande, cidades com mais de 100 mil habitantes. Já no site de Patos, o link na página principal é meramente decorativo.
Mas os portais do Ministério Público da Paraíba e dos tribunais estão mais próximos do ideal de transparência. Com informações mais detalhadas dos gastos, o site do MPPB disponibiliza para a população informações sobre despesas com viagens e pagamentos, dados dos recursos humanos, licitações, concursos e um ambiente para o internauta assistir as sessões online. Em entrevista ao jornal O Norte, o promotor Ádrio Nobre, que representa a entidade no Grupo de Trabalho do Fórum de Combate à Corrupção (Focco), afirma que esse é o sistema que deve ser ampliado para os poderes Legislativo e Executivo.

Fonte: Do Contas Abertas/Giselle Mourão/Paraíba.com.br

CÁSSIO CUNHA LIMA REITERA PEDIDO DE LIMINAR NO SUPREMO E BUSCA POSSE IMEDIATA.

O ex-governador da Paraíba e senador eleito, Cássio Cunha Lima (PSDB), um dos beneficiados com a interpretação do STF (Supremo Tribunal Federal) sobre a Lei do Ficha Limpa, reiterou seu pedido de liminar juto à Corte buscando obter sua posse imediata.
A petição eletrônica foi impetrada no último dia 25 e pode ser concedida a qualquer momento pelo ministro relator da Ação Cautelar 2772, Joaquim Barbosa, que se conceder a liminar deixará de fora do senado o terceiro colocado nas últimas eleições, senador Wilson Santiago.
Cássio foi apontado pela imprensa nacional como um dos grandes beneficiados pelo voto do ministro, Luiz Fux, que entendeu que a nova lei não se aplica as eleições de 2010.

Fonte: Janildo Silva/ClickPB

BRIGA DE 2014 "NACIONALIZA" PLEITO DE 2012.

Partidos ensaiam projetos comuns para enfrentar PT, que tratará de maneira nacionalizada capitais estratégicas para aliança nacional

As eleições municipais de 2012 devem romper a tradição segundo a qual a sucessão nas prefeituras é uma briga entre lideranças locais. Depois de três derrotas presidenciais, a oposição ensaia projetos comuns, num jogo eleitoral que pode ser de vida ou morte. O PT, por sua vez, que não quer ser apeado do poder central, vai "nacionalizar" a disputa em algumas capitais.
"O PT definiu que tratará de maneira nacionalizada capitais estratégicas para nossa aliança nacional", adianta o ex-deputado Virgílio Guimarães (MG), agora dirigente nacional petista. Ele avalia que 2012 pode ser "definidor para o projeto 2014", a partir de Belo Horizonte, onde a aliança nacional com o PSB será posta à prova, em disputas com o PMDB e o PC do B, todos da base do governo Dilma Rousseff.
Visto pela oposição como pré-candidato ao Planalto, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) já mostra preocupação, certo de que o resultado da briga mineira estará vinculado ao desempenho de lideranças nacionais - como ele. "Há sempre a leitura do quem ganhou e quem perdeu", diz Aécio, ao admitir que as eleições municipais ajudam a montar o tabuleiro da disputa presidencial de 2014.
Na ponta oposicionista do espectro político brasileiro, líderes do DEM, do PSDB e do PPS pregam a unidade das siglas já partir deste ano. "Fraturar agora, para juntar os cacos lá na frente, não adianta", afirma o líder do DEM na Câmara, ACM Neto (BA). Deputado federal mais votado em seu Estado, Neto pode ser preservado para uma disputa pelo governo baiano, o que facilita o entendimento em torno do deputado e ex-prefeito da capital Antônio Imbassahy. (PSDB). Ele defende a tese de que a união é fundamental: "O descolamento das oposições em 2010 não contribuiu".

Fonte: Christiane Samarco, de O Estado de S.Paulo

CÁSSIO NÃO VAI A REUNIÃO DE BANCADA PARA NÃO PROVOCAR SANTIAGO.

O senador eleito Cássio Cunha Lima (PSDB) declinou do convite feito pelo governador Ricardo Coutinho (PSB) para comparecer a reunião da bancada federal convocada para a próxima quinta-feira, 31. E explicou o motivo: não quer que sua presença pareça uma provocação ao (ainda) senador Wilson Santiago (PMDB).
Cunha Lima disse que só comparecerá as reuniões quando já tiver tomado posse. E seu antecessor, Santiago, não fizer mais parte da bancada.
Por interlocutores, ele recomendou, porém, o comparecimento do peemedebista na reunião já agendada.
Segundo pessoas próximas de Cunha Lima, o tucano teme que sua presença melindre Santiago e demais integrantes da oposição.
O peemedebista deve continuar no Senado Federal pelos próximos trinta dias – prazo em que Cunha Lima espera receber o aval do Supremo Tribunal Federal para tomar posse.

Fonte: Adriana Bezerra/Correio da Paraíba

PROJETO SOBRE CRIMES CONTRA JORNLISTAS SERÁ VOTADO NA CCJ.

Em reunião agendada para esta quarta-feira (30), às 10h, a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) vota proposta que estabelece preferência na pauta de julgamentos do Tribunal do Júri para os homicídios praticados contra jornalistas em razão de sua profissão.
O projeto será votado como item extrapauta, conforme informou o presidente do colegiado, senador Eunício Oliveira (PMDB-CE) nesta sexta-feira (25) à Agência Senado.
Como tramita em decisão terminativa, a matéria, se aprovada, segue para análise da Câmara. Segundo o autor do projeto (PLS 167/10), ex-senador Roberto Cavalcanti (foto), a liberdade de imprensa deve ser compreendida como uma condição "essencial da democracia", prevista constitucionalmente. Portanto, segundo explica na justificação a seu projeto, cabe "à lei processual penal adotar mecanismos e procedimentos condizentes com esse valor primordial dos regimes democráticos".
Leia mais
Roberto Cavalcanti quer federalização de crimes contra jornalistas
A proposta, que altera a redação do inciso I do art. 429 do Código de Processo Penal, tem o objetivo de evitar a impunidade nos crimes contra a imprensa.
O relator, senador Vital do Rêgo Filho (PMDB-PB), apresentou voto pela aprovação da matéria. Em seu parecer, o senador dá razão ao autor da matéria quando este afirma, na justificação do projeto, que a liberdade de imprensa deve ser compreendida como "uma condição essencial da democracia". Assim, ressalta Vital do Rêgo, o estado brasileiro deve prestar especial atenção aos homicídios praticados contra os profissionais que praticam o chamado jornalismo investigativo, "cuja atuação contraria interesses de grupos criminosos, políticos corruptos e administradores públicos venais".
Vital do Rêgo também informa que a aprovação do PLS 167/10 vai ao encontro dos anseios da Sociedade Interamericana de Imprensa, de acordo com os documentos da 66ª Assembleia Geral da entidade, realizada em Mérida, no México, em novembro de 2010.
O caso mais famoso de crime que vitimou um jornalista brasileiro, justamente por causa de sua atuação profissional, é o do assassinato de Tim Lopes, repórter da TV Globo. No dia2 de junho de 2002, Tim foi morto na favela Vila Cruzeiro, no bairro do Complexo do Alemão, subúrbio do Rio de Janeiro, quando se preparava para fazer apurar de denúncia de exploração sexual de adolescentes e a venda de drogas num baile funk.
Descoberto pelos traficantes, Tim Lopes foi julgado e torturado como vingança por reportagem feita em 2001 sobre a venda de drogas no morro, e que levou à prisão de vários traficantes.
Controle de gastos
Projeto (PLS 218/10) que prevê maior controle da legalidade dos atos administrativos, sobretudo de licitações, também está entre os itens a serem analisados na próxima reunião da CCJ. A proposta foi sugerida pelo Conselho da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) do Distrito Federal e encaminhada inicialmente à Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH).
Segundo o relator na CCJ, senador Alvaro Dias (PSDB-PR), com a aprovação do projeto, serão dificultadas práticas hoje disseminadas, como o grande número de dispensas e inexigibilidade de licitação nas compras e obras públicas, bem como o superfaturamento dos valores de contratos públicos.

Fonte: Da Agência Senado/Correio da Paraíba

RECUO: APÓS CONVERSA COM CÁSSIO, RÔMULO GOUVEIA SINALIZA PERMANÊNCIA NO PSDB.

RECUO: após conversa com Cássio Cunha Lima, Rômulo Gouveia sinaliza permanência no PSDB; tucano era cotado para presidir nova sigla na PB
O vice-governador Rômulo Gouveia (PSDB) que nos últimos tem demonstrado intensão em deixar o PSDB, voltou atrás, e via Twitter, comunicou que o senador eleito, Cássio Cunha Lima (PSDB), não é simpático a sua saída do ninho tucano paraibano.
-Ontem estive com @cassiocl aqui em Campina Grande. Nosso senador reiterou a necessidade que eu fique no PSDB, – publicou Gouveia no Twitter
O enfretamento no PSDB parece cada vez mais evidente. Caso venha a deixar a sigla, Rômulo Gouveia se filiará a nova sigla criada pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab – o PSD. Como a segunda maior autoridade do Estado o tucano deve ser escolhido até para presidir o partido em território paraibano.
Apesar da conversa com Cássio a definição sobre o destino de Rômulo só deve ser tomada essa semana.

Fonte: PB Agora com Blog do Victor Paiva

GOVERNO ACELEROU LIBERAÇÃO DE VERBAS A CIDADES E ESTADOS.

Na eleição de Dilma, governo acelerou liberação de verbas a cidades e Estados
O governo federal acelerou o ritmo de liberação de verbas livres de obrigação constitucional para Estados e municípios em 2010, ano em que o então presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou ser 'prioridade' eleger Dilma Rousseff (PT) sua sucessora no Palácio do Planalto. Em relação a 2009, a distribuição de recursos cresceu 51% em termos reais, descontada a inflação.
No ano da eleição, o governo federal enviou para os governos estaduais e municipais cerca de R$ 13,9 bilhões como transferências voluntárias. Em 2009, esse repasse foi de R$ 9,2 bilhões.
As transferências voluntárias são recursos repassados pela União a Estados, municípios e entidades sem fins lucrativos, que podem ser usados para realização de obras ou na prestação de serviços. Esse dinheiro é repassado geralmente por meio de convênios ou acordos e não segue nenhuma determinação constitucional. É, portanto, recurso que pode ser distribuído de acordo com critérios escolhidos pelo próprio governo.
Os dados constam de um estudo inédito feito pela entidade Contas Abertas, que será divulgado na quarta-feira no seminário 'Políticas Públicas: Vetores Políticos', organizado pela Fundap (Fundação do Desenvolvimento Administrativo), ligada ao governo paulista, Os números usados no levantamento são oficiais e estão no Siafi (Sistema Integrado de Administração Financeira do Governo Federal).
Nos três anos anteriores a 2010, não houve crescimento significativo nas transferências voluntárias do governo federal para os Estados e os municípios.
Em 2007, por exemplo, o primeiro ano do segundo mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o governo federal mandou para os governos estaduais e municipais R$ 8,9 bilhões. Foi exatamente o mesmo valor enviado no ano eleitoral de 2006, quando Lula foi reeleito.
No ano seguinte, 2008, as transferências voluntárias chegaram a apresentar uma queda nos repasses. Atingiram R$ 8,6 bilhões, em termos reais.
O crescimento nos repasses voltou em 2009, ano em que o governo alegou ter aumentado os gastos para produzir uma política anticíclica, diante da estagnação econômica provocada pela crise mundial. O crescimento, no entanto, passou dos R$ 8,6 bilhões transferidos em 2008 para R$ 9,2 bilhões, uma variação, em termos reais, de quase 7%.
No ano passado, quando houve eleição presidencial, os repasses alcançaram R$ 13, 9 bilhões. Somados às Transferências a Instituições Privadas sem Fins Lucrativos, os repasses em 2010 chegaram a R$ 16 bilhões, mais do que os R$ 10,5 bilhões liquidados no PAC (Programa de Aceleração do Crescimento).
'As transferências voluntárias são recursos que o governo federal aplica em áreas que precisa de apoio ou estímulo. Mas há distorções em período eleitoral. Quando mapeamos os recursos, vemos direcionamento para a base aliada, para sustentação política e etc. O que era exceção acaba virando regra', disse José Matias Pereira, professor de administração pública da UnB (Universidade de Brasília).
Em todas as regiões do País, houve aumento das transferências voluntárias para Estados e municípios em 2010 em comparação com 2009. A divisão dos recursos por região mostra ainda que o Nordeste foi o local mais contemplado. Estados e municípios da região obtiveram R$ 6,3 bilhões em 2010, 65% a mais que os R$ 3,8 bilhões no ano anterior. Foi no Nordeste que a presidente Dilma teve o seu melhor desempenho eleitoral, ao vencer em todos os Estados: 18,7 milhões de votos contra 7,7 milhões do então adversário José Serra (PSDB). Para o Sudeste, foram liberados R$ 3,6 bilhões no ano passado. Em 2009, distribuiu-se R$ 2,2 bilhões.
A discussão em torno dos gastos públicos foi colocada pelos adversários do PT no ano passado. Candidata, Dilma não admitiu durante a campanha ser necessário um ajuste fiscal nas contas públicas. Ao assumir o governo, no entanto, propôs uma 'consolidação fiscal', que é o corte de R$ 50 bilhões no orçamento da União. A legislação proíbe as transferências voluntárias nos três meses que antecedem a eleição. Há, no entanto, aceleração no repasse de recursos no começo de ano eleitoral. A lei também permite que as transferências sejam feitas quando uma obra já foi contratada e apresenta cronograma pré-fixado.

Fonte: MSN/PBAgora

BLOG DO NOBLAT CITA RELAÇÃO DE CÁSSIO COM PRESIDENTE DILMA E REVELA TRECHOS INÉDITOS DE CONVERSA DO TUCANO COM O EX-PRESIDENTE LULA AINDA EM 2009.

“É Dilma?” – perguntou a Lula o então governador Cássio Cunha Lima (PSDB), da Paraíba, durante conversa no início de 2009. Apesar de adversários os dois são amigos. Lula respondeu de pronto: “É”. Cássio insistiu: “E por quê?” Lula sorriu e disse: “Por duas razões. A primeira: é mulher. A segunda: ela é mais homem do que nós dois juntos.”

Lula ainda não desencarnou do cargo como ele mesmo admite. E faz pouca força para tal. Está sempre ao telefone com Dilma. Cássio perdeu o governo do seu Estado, acusado de abuso do poder econômico. Elegeu-se senador. E assumirá o mandato depois da decisão da Justiça sobre a Lei da Ficha Limpa. Quanto a Dilma...

A menos de duas semanas de completar 100 dias de governo, Dilma parece sair-se como presidente melhor do que a encomenda. Com certeza, muito melhor do que esperavam o PT e os partidos da base aliada dentro do Congresso. A oposição não fazia idéia de que pudesse ser assim. Às escondidas, admite sua perplexidade.

“O que a gente pode fazer?” – perguntou Cássio a um amigo no qual esbarrou na noite da última quarta-feira no restaurante Piantela, a Meca dos políticos em Brasília. No mesmo local, há pouca distância de Cássio, o deputado federal Marcus Pestana, presidente do PSDB mineiro, pedia ao ex-deputado Paulinho Delgado (PT):

- Me apresenta a Dilma, me apresenta!”. Paulinho sorriu e lembrou: “Já passei por isso. No governo Fernando Henrique, procurei um amigo do PSDB e pedi que me apresentasse ao presidente”. No dia seguinte, em um corredor do Supremo Tribunal Federal, ouvi do deputado Antonio Imbassahy (PSDB-BA):

- E aí? Como fazer oposição ao governo? Fiz um discurso na Câmara sobre o projeto do trem-bala e até meus colegas de partido acharam que fui crítico demais.” Lembra do slogan adotado pelo PSDB depois da eleição de Lula em 2002? “A favor do Brasil”. Agora, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) imagina algo como “Oposição generosa”.
Advogado de presos políticos durante a ditadura militar inaugurada em 1964, e que só se esgotaria 21 anos depois, Sobral Pinto tinha surtos de irritação ao ouvir falar em “democracia à brasileira”. Subia nas tamancas e vociferava: “À brasileira só existe peru”. Psicografando Sobral: “Oposição é oposição. Generosa é o que não pode ser”.
Dilma faz um governo mais redondo do que Lula começou a fazer ao se eleger pela primeira vez. Antonio Palocci cuidava da economia no ministério da Fazenda. Na Casa Civil, José Dirceu cuidava mais da política e trombava com Palocci. Havia a sensação de que os dois mandavam no governo. Lula era apontado como uma figura decorativa.
Até que Dirceu deixou o governo no rastro do mensalão e foi substituído por Dilma, ex-ministra das Minas e Energia. Palocci continuou cuidando da economia até cair por conta do escândalo da mansão alegre que freqüentava no Lago Sul, em Brasília. Dilma virou a gerente do governo. E Lula pôde fazer o que de fato mais gosta – política.
Para quem sabe mandar e não abre mão disso, é claro que nenhuma decisão do governo passa ao largo do gabinete de Dilma. Nem mesmo decisões aparentemente sem importância – como o funcionamento da portaria do Palácio do Planalto. A propósito: acabou por lá a aglomeração de pessoas e a chegada de visitantes sem hora marcada.
Disparado, o ministro mais forte do governo é Palocci. Ele já nem mais disfarça isso. Tudo o que tenha a ver com política, é assunto dele. Dilma é a executiva super ativa, exigente, cobradora e atenta a detalhes. Para efeito externo perdeu seus maus modos. Na vida real, por vezes consegue moderá-los. Guido Mantega está ministro da Fazenda.
“Eu preciso quem me esculhambe”, suplicou o presidente Jânio Quadros em 1961 ao convidar o escritor Otto Lara Rezende para assessorá-lo. Todos ao redor de Jânio o temiam. Otto não topou. É o que diz a lenda. O maior risco que corre Dilma é não ter quem esculhambe seu governo.

Fonte: Blog do Noblat/PBAgora

domingo, 27 de março de 2011

COMUNICADO (PARA ACESSOS AS ENQUETES)

Recebi no dia de hoje, vários comentários e e-mail, reclamando da não visualização de algumas enquetes. Destarte, venho comunicar aos leitores deste blog, que em alguns casos o computador utilizado pode não ter algum programa que permita a visualização das enquetes.
Também, pode ser causado pela lentidão da internet.
BASTA QUE SEJA INSTALADO O PROGRAMA FIREFOX, SEGUNDO ESCLARECIMENTOS DO ENGENHEIRO ELETRICISTA/ELETRÔNICO, SENHOR FRANCISCO DAS CHAGAS JÚNIOR, CREA 1607947935.
Para maiores esclarecimentos, peço aqueles que me enviaram comentários, que enviem-me o endereço de e-mail apara que eu possa, assim, entrar em contato.
Muito obrigado.

PRESUNÇÃO DE INOCÊNCIA ATÉ O FIM DO PROCESSO NÃO VALE PARA FICHA LIMPA.

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Ricardo Lewandowski, disse hoje (25) que o princípio da presunção de inocência, que impede que alguém seja declarado culpado até que seja esgotado o último recurso, não deve ser aplicado em relação à Lei da Ficha Limpa. Ontem (24), o advogado-geral da União disse que a lei precisa evoluir nesse sentido para que “inocentes não sejam condenados por antecipação”.
Segundo o ministro, existem duas ideias de presunção de inocência que precisam ser distinguidas: a do campo criminal e a da esfera eleitoral. “No campo criminal, o STF já decidiu que é preciso esgotar todos os recursos antes que as sanções se tornem efetivas. Outra coisa é esse conceito no direito eleitoral, pois estamos falando em condições de elegibilidade”, disse o ministro após proferir palestra na sede da Ordem dos Advogados do Brasil, em Brasília.
Lewandowski também lembrou que o próprio legislador entendeu que os direitos são diferentes ao cobrar apenas a decisão de órgão colegiado na Lei da Ficha Limpa. “Sou um daqueles que se filiam a essa ideia. Mesmo porque quando um colegiado de juízes decide determinada matéria, já decidiu sobre todos os fatos que são discutidos no processo”, disse.
O ministro ainda afirmou que não se sente incomodado com a possibilidade de liberar políticos antes barrados pela Justiça Eleitoral. “Nós temos que cumprir as decisões do Tribunal maior do pais. As decisões de qualquer magistrado, sobretudo da Suprema Corte do país, têm que ser cumpridas a risca e com celeridade”.

Fonte:Agência Brasil/PBAgora

GOVERNO DO ESTADO REALIZA PAGAMENTO DOS SERVIDORES NAS PRÓXIMAS QUARTA E QUINTA-FEIRA.

O Governo do Estado realiza o pagamento do funcionalismo público a partir da próxima quarta-feira (30). Recebem neste dia, os aposentados e pensionistas. Já na quinta-feira (31), é a vez dos servidores da ativa serem contemplados com o salário referente ao mês de março.
O pagamento dos servidores estaduais é executado pelo Banco do Brasil, a partir de contrato realizado entre a instituição financeira e a Secretaria de Estado da Administração, que gerencia a folha de pessoal.

Fonte:Secom PB/PBAgora

DOS 223 PREFEITOSPARAIBANOS 27 RESPONDEM A PROCESSOS NO TJ; ALGUNS COM VÁRIOS PROCESSOS, COMO O PREFEITO DE MARIZÓPOLIS COM SEIS AÇÕES.

Pelo menos 27 dos 223 prefeitos paraibanos respondem a processos no Tribunal de Justiça do Estado, de acordo com levantamento realizado no próprio site do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB). As ações, em sua maioria, são propostas pelo Ministério Público Estadual, que denuncia os gestores com base no decreto-lei 201/67, no Código Penal e na Lei. Desde 2008 tramita no Tribunal de Justiça um total de 51 ações contra os prefeitos municipais. Alguns deles respondem a vários processos, como é o caso do prefeito José Vieira da Silva, do município de Marizópolis, que conta com seis ações, sendo cinco notícias-crime e uma ação penal.
De acordo com informações da Comissão de Combate aos Crimes de Responsabilidade e à Improbidade Administrativa (CCRIMP), do Ministério Público Estadual, no período de janeiro a agosto de 2009, ainda na gestão de Janete Ismael, foram movidas um total de sete ações contra gestores públicos. Já na gestão do atual procurador-geral de Justiça, Oswaldo Trigueiro, compreendendo o período que vai de setembro de 2009 a fevereiro de 2011, foram propostas 19 ações contra agentes políticos.

Fonte: Jornal da Paraíba/PBAgora
O Estado da Paraíba terá ainda esse ano mais cinco agências da Caixa Econômica Federal que serão inauguradas ainda esse ano e mais três estão em fase de análise e aprovação.
O deputado federal Luiz Couto esteve, nesta terça-feira, em reunião com o superintendente da Caixa na Paraíba, Dr. Elan Miranda.
O Parlamentar petista disse que estão em processo de análise e aprovação as agências de Uiraúna e Princesa Isabel.
Enquanto que já foram autorizadas as construções de mais três agências, a de Picuí, Pedras de Fogo e Santa Luzia. “Em breve, mais duas agências serão inauguradas em João pessoa, uma em Mangabeira e outra no MAG Shopping”, finalizou o deputado.
Luiz Couto disse que a expansão das agências da Caixa na Paraíba se deve à boa gestão realizada na Paraíba e ao Programa do Governo Federal para atender cada vez mais pessoas, com serviços de qualidade.
A construção da agência da CEF em Santa Luzia atende a vários requerimentos do vereador Bivar Duda e a pedido do PT de Santa Luzia ao Deputado Federal Luiz Couto que fez gestão junto a Presidente da CEF no sentido de colocar o município de Santa Luzia no programa de expansão da Caixa Econômica Federal, desde já a população de Santa Luzia e região agradece ao Deputado Luiz Couto pelo empenho que vem dedicando a esse pleito do vereador Bivar, do PT local, da população e do município de Santa Luzia-PB.

Fonte: site do deputado federal Luiz Couto

GOVERNO FAZ PARCEIRA COM MUNICÍPIOS PARA CRIAR REDE DE ESCOLAS TÉCNICAS.

A Secretaria de Educação do Estado fará parcerias com os 223 municípios para enfrentar o analfabetismo entre jovens e adultos e para criar uma rede de escolas técnicas na Paraíba, aproveitando a experiência das universidades públicas.
O anúncio foi feito nesta segunda-feira (21) pelo secretário Afonso Celso Scocuglia, que proferiu palestra pela manhã, na abertura do Fórum Estadual da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação – Seccional Paraíba. O evento ocorrer no Auditório do Centro de Tecnologia Educacional Profº Severino Loureiro (antigo Museu Vivo da Ciência), em Campina Grande.
A parceria com os municípios faz parte do projeto de implantação das escolas técnicas, como garantiu o governador Ricardo Coutinho (PSB) na última sexta-feira (18), na inauguração do Campus do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFPB) no município de Picuí.
"Não dá para fazer uma educação sozinho, isoladamente. Uma das nossas prioridades é enfrentar o analfabetismo de jovens e adultos. Vamos trabalhar em parceria com os municípios, igrejas, entidades, universidades e até com o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra”, enfatizou Scocuglia.
Quanto às redes de escolas técnicas, inicialmente a Secretaria quer criar 15 nas diversas regiões do Estado, em parceria com o Ministério da Educação. Afonso Celso ainda assegurou que vai atuar em sintonia com a Undime. Para isso, ele propôs a realização de um Congresso de Educação para o primeiro semestre deste ano com a entidade e todos os secretários municipais.
O evento teve ainda palestras com equipes do INEP/MEC e da Fundação Itaú Social, que apresentaram aos participantes do fórum questões importantes, tais como: transporte escolar, recursos federais, projetos educacionais, concursos e convênios, entre outros assuntos. Também foram entregues kits escolares aos secretários.
Já no período da tarde, serão realizadas as eleições para nova diretoria executiva da Undime/PB. A nova direção responderá pela entidade durante o biênio 2011-2013, os representantes eleitos tomaram posse no mesmo dia do evento.

Fonte: www.sec.pb.gov.br/site do deputado federal Luiz Couto

DIAMANTE: EM SESSÃO DA CÂMARA, VEREADOR DENUNCIA PERSEGUIÇÃO E CORTE DA ENERGIA DE PSF.

A Câmara de Diamante reuniu-se neste sábado, 26, em sessão presidida pela vereadora Maria do Socorro Abílio. Na reunião, dois parlamentares mirins abordaram assuntos relacionados à administração municipal.
Paulo Brito (foto - 1º da esquerda para direita), por exemplo, parabenizou o prefeito por ter atendido reivindicações feitas na Câmara com relação à estrada e merenda no sítio Olho D’água. “Nós solicitamos aqui, em sessão anterior, providências da Prefeitura para melhorar a estrada e resolver o problema da falta de merenda, e fomos atendidos: fizemos o nosso papel e o executivo municipal fez o dele, e esse é o caminho”, comentou o parlamentar mirin.
Já o vereador Edivan Bezerra subiu à tribuna legislativa para denunciar que funcionários municipais de Diamante, que não seguem politicamente o prefeito, estão sendo perseguidos pela Prefeitura. Segundo ele, esses servidores são transferidos para postos de serviços distantes de sua residência e obrigados a trabalhar oito horas diariamente sem qualquer condição de transporte para chegar ao local de trabalho e retornar para casa no final do expediente. “E quando o servidor perde um único dia tem o seu ponto cortado”, disse o vereador, ao citar o caso de uma diamantense que presta serviço no sítio Cabano e que teve 120 reais descontados do seu salário no último pagamento, “o que a deixou desesperada porque sobreviver com um salário já é difícil, imaginem com menos de um mínimo”.
Para Edivan, enquanto a Prefeitura é extremamente dura com os servidores filhos da terra, é, pelo outro lado, notoriamente permissiva com os funcionários que residem fora do município, deslocando-os para postos de trabalho melhor situados e permitindo que, muitos deles, não compareçam ao trabalho, mas recebam seu salário integralmente. Conforme o vereador, esses servidores ganham sem aparecer em Diamante, colocando, irregularmente, pessoas para substituí-los e dividindo com elas o salário, o que prejudica o serviço público municipal, que se torna deficitário, segundo Edivan.
Prejuízo também, segundo o vereador, para centenas de pessoas de Diamante que durante seis dias, da quinta a terça-feira da semana passada, não conseguiram atendimento no posto do Programa Saúde da Família (PSF) da Rua Américo Pereira Gomes. Conforme Edivan, o PSF passou todo esse período de portas fechadas porque teve sua energia elétrica cortada. “Isso é um absurdo: é inaceitável que uma Prefeitura, que tem dinheiro para tudo, permita uma coisa dessa”, enfatizou Edivan Bezerra.

Fonte: Diamante Online