terça-feira, 23 de novembro de 2010

PREFEITO DE COREMAS REUNE PARTE DA BASE DE SUSTENTAÇÃO E DEFINE: O CANDIDATO À SUCESSÃO MUNICIPAL É GUTO E PONTO FINAL.

PREGO BATIDO E PONTA VIRADA...
Em reunião realizada na noite de ontem, segunda-feira, o prefeito Edilson Pereira fez uma exposição à alguns vereadores e explicitou sua decisão aparentemente em caráter irrevogável, de lançar o nome do seu sobrinho GUTO para prefeito de Coremas em 2012.
Desta maneira, Edilson demonstrou plena e total certeza que o bloco de aliados acatará sua pretensão.
Entretanto, um participante desta conversação já manifestou negativa a esta escolha, por entender que no grupo tem nomes muito melhores, por tratar-se Guto de alguém inteiramente desconhecido e que nada, absolutamente nada fez pelo município. Aliás, ressaltar vale que Guto reside em Sousa e raramente visita o município de Coremas. Mas a defesa em nome de outro integrante do grupo está ganhando adeptos e um determinado vereador deixou claro entre amigos que esta posição também será seguida por ele em não aceitar o nome deste ilustre desconhecido.
O prefeito de Coremas, agindo assim, tenta fazer o que, na época do "coronelismo" era pratica comum: a velha e ultrapassada "EMPURRAR DE GOELA À BAIXO" o nome que bem lhe convinher.
A questão que o excelentíssimo chefe do poder executivo coremense esqueceu, foi que isso iria ferir o brio dos senhores vereadores da ala governista, assim como das lideranças que dão sustentabilidade a sua administração... ter o apoio do governador eleito não é tudo. Ricardo Coutinho é muito inteligente e mesmo antes de qualquer nomeação, já deixou nítido que quem manda é ele... vejamos as diretoria de órgãos estaduais? seus diretores serão TÉCNICOS. Não terá vez para fazer política em repartições. A mesma metotologia que implantou em João Pessoa, será implantada no Estado.
Imaginei como ficaria o quadro político em Coremas, com uma debandada de parte da situação para a oposição? Da mesma forma que Edilson Pereira apoiou RC, os vereadores que fazem parte da situação, também o apoiaram, como também o vice-prefeito Sérgio Lima e o ex-prefeio, Antônio Lopes.

Um comentário:

andreia disse...

ISTO E UMA FALTA DE RESPEITO PARA COM O POVO DE COREMAS, ACREDITO QUE AS LIDERANÇAS DESTA CIDADE NAO O APOIARÁ.
DESTRA FORMA E MELHO ESCRITURAR A CIDADE EM NOME DE EDILSON.